Arquivo | Estilistas RSS feed for this section

Em desfile Chanel, quem rouba cebola é rei.

5 mar

Olá gente, hoje vim comentar sobre o tão já comentado desfile de outono/inverno 2014-15 da Chanel, na Paris Fashion Week.

Karl Lagerfeld e toda a incrível equipe de marketing da Chanel trabalharam extremamente bem e trouxeram para esse desfile algo muito mais chamativo que um “tênis de corrida com cano super-hiper alto”, eles transformaram o Grand Palais em um supermercado repleto de produtos com logo da Chanel. Haviam gondolas e prateleiras preenchidas por garrafas coloridas com o nome “Tweed *e seu fictício sabor*”, presuntos rotulados de “Jambon Cambon”, garrafas d’água “Chanel N0”, entre uma infinidade de produtos extremamente pensados para atrair olhares e fascinar todos que estivessem ali (ou nós, meros mortais, que assistíamos pela internet ou víamos fotos/informações via redes sociais).

O desfile trouxe o luxo da Chanel ao dia-a-dia da típica parisiense que, após o trabalho, vai ao supermercado, à padaria, à “quitanda” do bairro… Portanto entre as peças estavam leggings rasgadas, croppeds, tênis, casacões, mas trazendo também clássicos da marca como casaco tweed que ganhou diferentes formas, conjuntinhos, entre outros. Tudo lindo e impecável como algo com o nome “Chanel” deve ser. O desfile termina ao som de “Senhoras e senhores o shopping será fechado. Sinta-se livre para pegar uma fruta ou um legume de cortesia no seu caminho à saída.”, mas isso não satisfez o publico presente.

O mercado foi saqueado por todas aquelas pessoas chiques e finas que estavam ali presente. As frutas e os legumes foram os menos desejados pelo publico – claro, não havia nenhum logo da Chanel nos mesmos – o que eles queriam mesmo era qualquer produto que desse para comprovar “eu estive lá e sai com xis coisa”. Vassouras, tapetes, embalagens vazias de macarrão, garrafas d’água entre infinitos outros produtos (ou falsos produtos) foram furtados e escondidos pelo publico. A única coisa que eles não sabiam é que na saída haviam seguranças para revistar “xs queridxs editorxs” que tentaram surrupiar a decoração.

O que me espanta é perceber que só por estar com o nome “Chanel” escrito é aceitável roubar um supermercado. Camila Yahn disse no site da FFW “O que faz frequentadores de um evento de luxo subir um por cima do outro para roubar uma cebola ou um espanador? Peraí, nós vemos cenas de pessoas saqueando mercados ou brigando por água e comida, e na maioria das vezes, são outros os motivos que desencadeiam essas ações.” E eu ainda acrescento que essas mesmas pessoas que tentaram sair do Grand Palais com uma luva de limpeza na clutch são as mesmas que julgam quem rouba um pão na padaria por necessidade.

Obvio que não sou a favor de crimes (sejam eles vindos de alguém que necessita, sejam eles vindos da ganancia alheia) e não pude deixar de me espantar ao ler nos comentários no instagram algo como “eu vou ficar decepcionado se você não tiver roubado alguns” em uma foto de luvas de lavar louça. Me diz, o que a pessoa faria com isso? Andaria na rua com ela no inverno só pra dizer que usa uma luva Chanel? Lavaria louça com ela?

chanel

Fica aqui minha revolta e indignação pra vocês,
xx, Mel.

Anúncios

Helen Rödel.

3 jul
helen

“Estou numa cruzada. Quero desconstruir a ideia que as pessoas têm do tricô e do crochê” – Helen Rödel em entrevista para Bravo em fevereiro de 2012.

No 1º semestre da faculdade uma professora apresentou para a turma a estilista Helen Rödel, eu pensei muitas vezes em compartilhar sobre ela com vocês, mas sempre me esquecia. Helen é brasileira, do Rio Grande do Sul, conhecida internacionalmente pelo trabalho L-I-N-D-O que faz, ela utiliza técnicas de tricô e crochê para criar suas roupas, aplicando-as de formas modernas.

O trabalho de Helen vai contra a concepção do mercado de Moda, onde se pensa no conceito de Fast Fashion ou produção em massa. Ela “retrata” toda a relação entre o criador e a criação (que tem deixado cada vez mais de existir), sendo cada peça única desde a atenção dedicada durante a produção, como no resultado.

vest helen

Helen Rödel S/S 2013

Alguns irão reconhecer esse vestido acima, ele foi usado pela Mallu Magalhães no clipe da música Sambinha Bom. Para conferir mais algumas criações da Helen, é só acessar o site da marca, em breve eles também abrirão uma loja online ❤

E para finalizar, quero deixar aqui pra vocês um vídeo que mostra um pouco de todo o processo de criação, além de passar toda a essência da marca, deixando um gostinho de quero muito mais:

xx, Lu.

A Cara da vez…

14 jun

Quem acompanha o mundo da moda sabe que a nova queridinha dos estilistas e fotógrafos é a Cara Delevingne, também não é pra menos, a menina é linda e consegue sair de um editorial e entrar em outro totalmente diferente com a maior facilidade. Com seus apenas 20 anos, ela tem sido muito comparada com a Kate Moss por causa da rápida ascensão nas passarelas e nas campanhas (e inclusive por conta de alguns babados negativos incluindo saquinhos com pó branco).

Cara já passou por grifes como Saint Laurent, Chanel e Dolce & Gabanna, e agora foi escolhida para estrelar a campanha do verão 2014 da Bo.Bô. As fotos foram realizadas essa semana, dia 10/06, nas praias dos Hamptons (NY) pelo fotógrafo Jacques Dequeker.

Há rumores de que Cara logo lança uma coleção em parceria da sua super amiga e cantora Rita Ora, e pra isso elas estão pedindo ajuda pra outra amiga e nada mais nada menos que filha do chefe da Topshop, Chloe Green. Ainda não se sabe quando esse projeto sai do papel, mas eu pelo menos estou morrendo de curiosidade pra ver essa coleção.

editorial idmagazine2

editorial idmagazine

editorial idmagazine3editorial idmagazine4

(fotos acima pro editorial da revista I-DMagazine)

bobo

bobo2

(preview da campanha fotografada essa semana pra Bo.Bô. liberada no facebook da marca)

E pra quem curte a top fique feliz, ela promete desembarcar em São Paulo em agosto deste ano para divulgar a campanha da grife brasileira aqui em nossas terras!! E nos próximos dias tem mais post sobre a Cara, mas desta vez sobre seus looks no dia-a-dia!

xoxo, Mel.

SPFW Verão 2014 da Amapô

24 mar

Como todos sabem, essa semana que passou aconteceu no prédio da Bienal, no Parque do Ibirapuera, a Semana de Moda de São Paulo, e em dois dos cinco dias eu estava lá, e consegui cobrir o desfile da Amapô pra vocês.

amapô-22

O desfile de Verão 2014 da Amapô foi inspirado no universo do fundo do mar, trazendo as “Sereias Guerreiras”, portanto recheado de azul, escamas e nervuras.

As listras e os poas, junto da estampa tie dye nos tons marinhos, compunham a maioria dos looks apresentados pela marca. O mix de estampas esteve bastante presente em peças com tons parecidos, e o mix de cores em peças com a mesma estampa. O movimento ficou por conta dos babados e franjas, apresentados nos looks femininos e masculinos.

O desfile contou com a parceria da Loucos e Santos, que sob o comando de Jorge Bischoff desenvolveram dois sapatos incríveis. Um é uma rasteira, chama de “Alga”, com bordados e transparência e apresentados nas cores preto, verde água e rouge. O outro é o peep toe “Sereia”, com salto curvilíneo, sobreposições de escamas e enfeite em formato de rabo de peixe; o modelo vem nas cores verde metalizado (couro) e prata (specchio).

Já os sapatos masculinos, ficaram por conta da Converse, que apresentou dois modelos exclusivos do Converse Chuck Taylor All Star. Um deles é o mesmo tie dye que aparece nas roupas, reproduzido na lona junto da vira de borracha levemente suja. O outro modelo, inspirado na logo da Amapô, faz referência ao navy, com estampa de listras nos tons amarelo, laranja e azul (com viras também em borracha e levemente sujas).

Os óculos foram desenvolvidos pela parceria da Amapô e Chilli Beans, com inspiração nos jeans e nas estampas da própria Amapô. Outros acessórios da Chilli Beans desfilados foram os relógios, utilizados como cintos, nas cores prata, dourado e rose.

480060_503199319741760_51187552_n

amapô-12

amapô-13

amapô-15

amapô-16

amapô-17

amapô-18

amapô-19Todas as fotos desse post foram feitas pelo Gabriel Centurion, do GSC Estúdio Fotográfico, segue pra vocês o site deles e a pagina no facebook, vale a pena tirar uns minutinhos pra dar uma conferida nas fotos.

Espero que tenham gostado,

xx, Mel.

Com o couro tatuado

18 jan

Resolvi falar de um desejo meu desde que a coleção de verão da Patricia Viera foi apresentada, a jaqueta de couro “tatuada”. Na coleção, ela exibia não só a jaqueta, como também outras peças em couro, com a estampa de tatuagem e com uma estampa de hibiscos, me remetendo totalmente as estampas de quimonos japoneses.

1

2

3

Hoje, olhando o site da Vogue, vi uma noticia com as fotos da coleção de inverno 2013, onde ela exibe o couro com estampa de grafite, a coisa mais linda. Nesta nova coleção, Patricia investe nas camisas como peça-chave, seja com a base em couro dourado ou no preto e branco.
Outra aposta da estilista, são os tops com a cintura ajustada, usado com saias com o comprimento até o joelho (o mesmo vale para vestidos que também vem com o shape ajustado). A aposta das cores para essas peças foi no carmim, turquesa e o verde esmeralda que foi eleito pela Pantone como a cor do ano.

foto (10)

foto (8)

foto (9)

foto (7)

foto (6)

A jaqueta com o o rosto de Taylor Tomasi Hill estampado, estará a venda por R$ 3.450, e como eu ainda não tenho a capacidade de comprar uma roupa por esse valor, torço pra alguma marca fazer uma jaqueta ou camisa inspired e num precinho camarada.

xx, Mel.

(fotos retiradas do site da Vogue)

Jason Wu para Target.

10 jan

Jason Wu é uma grande referência para mim, mesmo sendo um estilista um tanto quanto recente e tendo apenas seus 26 anos, ele modernizou o estilo Lady Like e conquistou o coração (ou guarda-roupas) da maioria das celebridades, sem falar em Michelle Obama que o tem como estilista favorito. Está lembrando vagamente do nome dele, pois é, em julho ele criou um modelo de Melissa com uma estampa que imitava renda, sucesso!!
A “novidade” é a parceria que Mr. Wu fez com a Target (rede de lojas americana), foram criadas várias peças no estilo navy e floral, dentre elas: vestidos plissados, cardigãs, bolsas, saias, camisas. Tudo ” com a assinatura romântica e contemporânea que é a marca do estilista” (conforme disse a VOGUE, e eu concordo totalmente com a afirmação). Os valores giram em torno de US$20,00 a US$60,00. Um valor bem em conta tendo em vista o óbvio, ele está a cada dia mais renomado.
As peças só chegam às lojas físicas e virtual a partir do dia 05/02, e se você ficou se coçando, louca de vontade de adquirir uma peça assinada pelo Mr. Wu, é bom ficar preparada, pois se essa coleção repetir o sucesso da parceria da Target com a Missoni pode-se esperar longas filas e prateleiras vazias.
Agora, pra sentir um pouquinho mais do que eu estou falando, confiram algumas peças da coleção Capsula, assinada por Jason Wu:

E aí, meninas, o que acharam?

xx [].